Projeto Arbo

O quê? Como?

   O Arbo é uma iniciativa sem fins lucrativos cujo intuito é promover o reflorestamento urbano de árvores frutíferas e o acesso à comida saudável de forma gratuita. A iniciativa associa a tecnologia com meio ambiente para minimizar os impactos do desmatamento, da desigualdade e da desinformação.

O Arbo é dividido em duas estruturas: a Equipe Arbo, e os Embaixadores Arbo. A Equipe Arbo é toda gestão do projeto que é responsável pela divulgação, dar suporte aos embaixadores, produção de conteúdo e desenvolvimento do projeto. Os Embaixadores Arbo são jovens e estudantes responsáveis pela implementação dos 3 pilares Arbo.

-Os 3 pilares Arbo:



Por quê?

    Atualmente o Brasil vive uma realidade onde, segundo a ONU e o Inpe, tem-se de mais de 5 milhões de pessoas em situação de fome, e um aumento de 30% no desmatamento da floresta amazônica. O mundo está cheio de árvores frutíferas! Isso é muito bom. Todavia, a maior parte dos frutos dessas árvores são desperdiçados, pois, as pessoas que precisam, não sabem onde eles estão, em que época colher, ou se têm autorização para isso. O Projeto Arbo de modo a resolver essa problemática, criou o aplicativo Arbo.

    Esse aplicativo desenvolvido pelo Projeto Arbo é misto, portanto, é constituído por um mapa e um jogo. O software tem o objetivo de mapear e localizar árvores frutíferas, assim como, através das missões, estimular os jogadores a realizar a produção e plantação de mudas, e mapear as árvores que já estão produzindo frutos. Tudo isso com auxílio do aplicativo, onde os usuários aprendem sobre processos de plantio – incluindo técnicas de germinação das sementes, cuidados no crescimento das mudas e categorias de frutíferas permitidas de acordo com cada  região. Dessa forma, promovendo, para que aqueles que mais precisam, acesso à alimentação de forma saudável, gratuita e livre.

    Desse modo, tornando a cultura de árvores frutíferas mais comum, ajudando os mais pobres, promovendo soberania alimentar, e beneficiando o meio ambiente, indo contra essa massiva onda de desmatamento que tanto afeta a biodiversidade do planeta, arborização das cidades, e tantas outras regalias da natureza.  A seleção das árvores frutíferas a serem plantadas é realizada de forma extremamente cuidadosa, através de pesquisas de voluntários com formação na área ambiental, logo, respeitando o território, as condições dos solos, situação climática e toda biodiversidade local.

domingo, 21 de junho de 2020